NOTÍCIAS - A | + A

ESTADUAL 2019 27.01.2019 | 23h:01

Mixto é superior e vence clássico contra o Dom Bosco na Arena Pantanal

O clássico mais antigo do Estado teve como vencedor o mais querido de MT

Por: DA REDAÇÃO

Gilmar Ramos/Olho no Esporte MT

Gilmar Ramos/Olho no Esporte MT

O clássico mais antigo de Mato Grosso teve como vencedor o Mixto Esporte Clube, que foi superior durante toda partida e bateu o Dom Bosco pelo placar de 1 X 0 na tarde deste domingo (27) na Arena Pantanal, em Cuiabá. Em jogo disputado e de muita entrega do início ao fim, o Tigre saiu melhor, marcando seu gol logo no início do primeiro tempo, depois de escanteio cobrado pelo meia Dinelson na cabeça do zagueiro Mateus, não dando chance ao goleiro.   

 

O Clássico “Vovô” deu continuidade à segunda rodada do Campeonato Mato-Grossense de Futebol 2019. O Tigre estava em busca da sua primeira vitória, já que vinha de um empate sem gols diante do Araguaia. Já o Dom Bosco se vencesse anotaria 6 pontos no campeonato, pois bateu o Operário Ltda por 2 X 1 na sua estréia.      

 

Ao final do confronto, o técnico do Mixto, Toninho Pesso, comemorou a vitória e avaliou o resultado do trabalho realizado nas últimas três semanas. Segundo ele, desde o início da partida seu time soube se impor e armar boas jogadas de ataque, tendo também muita firmeza na defesa. “Sem menosprezar a equipe adversária, que veio para a partida nos enfrentar de igual para igual, fomos superiores durante praticamente o tempo todo. Tanto, que logo após o gol tivemos mais duas chances, uma atrás da outra, e poderíamos ter matado o jogo”. 

Chico Ferreira

Mixto e Dom Bosco

 

 

O técnico disse ainda que são apenas três semanas de treinamentos, e assim como a maioria das equipes do país, o Mixto ainda está em fase de aprimoramento, mesmo assim já está encontrando seu melhor futebol. O próximo jogo do Mixto será em Cuiabá, na Arena Pantanal, contra o União, no domingo (03).        

 

Na avaliação do treinador do Dom Bosco, Hugo Alcantara, seu time se apresentou bem e até os 15 minutos mandou na partida. “Estávamos jogando de igual para igual, inclusive antes de tomarmos o gol de bola parada poderíamos ter feito primeiro. Depois, tentamos nos recuperar e criamos várias chances. Infelizmente não deu, mas todos viram que foi um jogo bom, com os dois times atacando e se defendendo”.   O técnico finalizou dizendo que “agora é bola pra frente e que já está pensando no próximo adversário, que é o C.E.O.V, na próxima quarta-feira (30), na Arena Pantanal.     

 

“Dois árbitros”       

 

Até a metade do segundo tempo o árbitro foi Luiz Paulo Pinheiro, mas o profissional sentiu fortes dores na panturrilha, teve que receber atendimento médico e acabou substituído pelo quarto árbitro, Luis Eduardo Rosa. Os assistes, foram: Eliane Cristina Alves e Luis Gustavo da Mata.      

 

O Jogo      

 

O jogo começou dinâmico, com os dois times tentando fazer jogadas de ataque. Sendo que o Mixto também tentava controlar a partida, tocando mais a bola no meio de campo. Aos 5 minutos o Tigre fez uma boa jogada de ataque, porém sem ameaçar a meta adversária. O Leão respondeu com uma bela jogada e por pouco não abriu o marcador, com o centroavante Alex Júnior perdendo um gol cara a cara com o goleiro. Aos 13 minutos o Mixto teve um escanteio ao seu favor.    

 

O meia Dinelson foi para a cobrança e colocou a bola na cabeça do zagueiro Mateus, que fez o primeiro e único gol da partida. A partir de então o jogo ficou mais disputado, com as duas equipes indo para o ataque.   Aos 20 minutos o Dom Bosco teve uma falta na entrada da grande área, o meia Jackson bateu colocado, obrigando o goleiro fazer uma boa defesa. Aos 40 minutos o Dom Bosco teve mais uma chance a partir de outro escanteio, mas novamente sem sucesso.     

GIlmar Ramos/ Olho no Esporte MT

Mixto e Dom Bosco

O gol foi marcado pelo zagueiro Mateus, de cabeça.

Segundo Tempo    

A segunda etapa da partida começou com o Dom Bosco indo para o ataque, já com uma jogada perigosa contra o goleiro Vinicius, mas a jogada acabou em escanteio, que foi cobrado mas sem êxito. A partir daí o Mixto procurou controlar mais o jogo, colocando a bola no chão e tocando no seu campo, com saídas rápidas no contra-ataque. 

 

O segundo tempo teve uma queda de ritmo das duas equipes, com várias substituições.  O jogo seguiu com mais algumas jogadas de ataque do Dom Bosco, com o Mixto se defendendo e saindo no contra-ataque. Contudo, a partida terminou 1 a 0 para o Mixto na Arena Pantanal.  

  

FICHA TÉCNICA

Chico Ferreira

Mixto e Dom Bosco

 

 

Mixto 

Treinador: Toninho Pesso 

Jogadores: 1 – Vinícius/ 2 – Arilton/ 3 – Marlon/ 4 – Mateus/ 5 – Couto/ 6 – Rodrigo Biro/ 7 – Yago/ 8 – Valtinho/ 9 – Yan/ 10 – Dinelson/ 13 – Renan. //Reservas: 12 – Rocha/ 15 – Roberto/ 14 – Caio Felipe/ 23 – Marco Lapa/16 – Leandro/ 17 – Alan Jr. /18 – John/ 19 – Mateus Aguiar/ 11 – Willian Amendoim/ 21 – Danilo/ 20 – Arthur.  

 

 

 

 

 

Dom Bosco 

Treinador: Hugo Alcantara 

Jogadores: 1 – Junior/ 2 – João Lennon/ 3 – Matheus/ 4 – Marinho/ 5 – Lopes/ 6 –  Willian Guerron/ 7 – Erick/ 8 – Lucas/ 9 – Alex Junior/ 10 – Jackson/ 11 – Paulinho. // Reservas: 12 – João Pedro/ 13 – Lizão/ 14 – Brenner/ 15 – Diego/ 16 – Enio Junior/ 17 – Igor Xipa/ 18 – João Pedro/ 19 – Luiz Lenon/ 20 – Gabriel Orro/ 21 – Bruninho  

VOLTAR IMPRIMIR

COMENTÁRIOS